Telefone: (11) 3578-8624

CONTRIBUINTES DÃO NOTA 4,3 PARA PREENCHIMENTO DA DECLARAÇÃO DO IR 2022

6 de junho de 2022

Neste ano, a declaração pré-preenchida foi utilizada por 2,69 milhões de pessoas. É um aumento de quase 1000% na comparação com 2021.

Pela primeira vez, o governo convidou os usuários dos programas de preenchimento da declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) a avaliar o serviço. Mais de 3 milhões de contribuintes responderam à pesquisa e o serviço recebeu nota 4,3 numa escala que ia até 5, informou o Ministério da Economia nesta sexta-feira.

Os aspectos que receberam a maior pontuação, com nota 4,62, foram “o serviço foi cumprido dentro do prazo adequado” e “as informações fornecidas estão seguras”.

Com isso, segundo a pasta, a declaração do IR passou a ser o serviço mais avaliado da plataforma gov.br, que disponibiliza serviços do governo federal e também de alguns Estados e municípios.

Neste ano, a declaração pré-preenchida foi utilizada por 2,69 milhões de pessoas. É um aumento de quase 1000% na comparação com 2021. No total, a Receita Federal recebeu 36,6 milhões de declarações até o encerramento do prazo, no dia 31 de maio.

O uso da declaração pré-preenchida foi facilitado em 2022. O serviço foi disponibilizado aos contribuintes que possuem contas gov.br nos níveis de segurança ouro e prata.

O aplicativo Meu Imposto de Renda foi utilizado por 1,7 milhão de contribuintes este ano, o que representa crescimento de 125% sobre 2021. As declarações enviadas por esse meio correspondem a 5% do total.

Também foi possível preencher e enviar a declaração por meio do e-CAC, o Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte. A facilidade foi utilizada por 854 mil declarantes, um crescimento de 280% sobre 2021.

O meio mais utilizado é Programa Gerador de Declaração, utilizado em computadores. Correspondeu a 92% do total de envios, com crescimento de 4% sobre o ano passado.

Em nota, o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Caio Mario Paes de Andrade, diz que a Receita Federal foi dos primeiros órgãos a digitalizar seus serviços na plataforma gov.br. Atualmente, todos os 175 serviços prestados pelo órgão são digitais e disponíveis on line.

Na conta gov.br, o nível prata é para pessoas que fizeram reconhecimento facial pelo aplicativo para conferência de sua foto nas bases da Carteira de Habilitação (CNH) pela Secretaria Nacional de Trânsito e pelos que realizam a validação dos seus dados via internet banking de um dos bancos credenciados.

Para o nível ouro, a pessoa deve fazer o reconhecimento facial pelo aplicativo gov.br para conferência de sua foto nas bases da Justiça Eleitoral (TSE) ou realizar a validação dos seus dados com Certificado Digital compatível com ICP-Brasil.

FONTE: Valor Investe – Por Lu Aiko Otta, Valor — Brasília

Receba nossas newsletters