Telefone: (11) 3578-8624

PEDIDOS DE REGISTROS DE MARCAS BATE RECORDE DURANTE PANDEMIA

12 de maio de 2022

INPI tem levado um ano, em média, para analisar as solicitações.

Os pedidos de registro de marca no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) aumentaram 48% entre 2019 e 2021, totalizando 363.392 marcas depositadas. O INPI tem levado uma média de dez a doze meses para examinar um pedido de registro de marca que não tenha sofrido oposição de terceiros.

Os pedidos de registro de marca no Brasil têm bom prazo de tramitação se comparado a prazos praticados em outros países, segundo Clarissa Jaegger, sócia do escritório Montaury Pimenta, Machado & Vieira de Mello. O INPI, considerado o 10° maior receptador de marcas do mundo, teve uma marca depositada a cada 90 segundos.

De acordo com Clarissa, com o aumento do número de marcas depositadas e a redução do quadro de examinadores, é possível que o tempo de exame aumente, o que não deve interferir no número de novos casos.

FONTE: Valor Econômico – Por Beatriz Olivon – De Brasília

Receba nossas newsletters