Telefone: (11) 3578-8624

ARRECADAÇÃO FEDERAL SOMA R$ 148,6 BILHÕES EM FEVEREIRO, VALOR RECORDE PARA O MÊS

29 de março de 2022

Valor representa alta real de 5,27% ante o mesmo mês de 2021. Em fevereiro, foram recolhidos R$ 148,664 bilhões em impostos e contribuições.

A arrecadação federal registrou o melhor resultado para meses de fevereiro de toda a série histórica, iniciada em 1995. Esse é o segundo recorde mensal em 2022. Em fevereiro, foram recolhidos R$ 148,664 bilhões em impostos e contribuições.

O valor representa alta real de 5,27% ante o mesmo mês de 2021. Divulgada pela Receita Federal nesta segunda-feira (28), a arrecadação perdeu ritmo e recuou 37,46% em relação aos R$ 235,3 bi recolhidos em janeiro deste ano.

No acumulado de janeiro a fevereiro, o recolhimento de tributos alcançou R$ 383,986 bilhões, com alta real de 12,92%. Segundo a Receita, também é o melhor desempenho arrecadatório da série histórica para o bimestre.

A pasta destaca ainda que os resultados do bimestre são explicados por alta foi de 22,36%, novamente, por pagamentos atípicos de IRPJ (Imposto de Renda de Pessoa Jurídica) e CSLL (Contribuição Sobre Lucro Líquido), bem como pelo diferimento das quotas do IRPF que seriam pagas em 2021 e pelo comportamento das compensações efetuadas.

No mês o resultado foi justificado, principalmente, o crescimento de 6,7% da arrecadação do PIS/Cofins, influenciada pelo desempenho do setor financeiro e pelo setor de combustíveis, bem como pelo aumento real dos recolhimentos do IOF, de 26,3%, especialmente nas operações de crédito as pessoas jurídicas e em títulos e valores mobiliários.

Com informações da Receita Federal.

FONTE: CNN Brasil

Receba nossas newsletters